quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Something´s


Ninguem acende uma lampada para esconde la atras da porta : O objetivo da luz é trazer mais luz a sua volta, abrir os olhos, mostrar as maravilhas ao redor.
Ninguem oferece em sacrificio a coisa mais importante que possui: O Amor
Ninguem entrega seus sonhos nas mãos daqueles que podem destruí-los.
Exceto eu.


Se um homen que voce não conhece telefona hoje, conversa um pouco, não insinua nada, não diz nada de especial, mas mesmo assim da uma atenção que raramente as mulheres carentes estao acostumadas a receber, qualquer mulher é capaz de ir pra cama com ele aquela noite relativamente apaixonada.
Exeto eu




Eu sei que sou ruim de negócio, e admito isso,e sei que poderia ser uma pessoal de mais facil acesso, mais maleável, mais flexível, but infelizmente meu lado masculino não admite que eu seja assim...

Eu tento ser total e profundamente distinta, principalmente na maneira em lidar com os outros, mas sempre procuro dar o melhor de mim quando estou com alguem, seja namorado, amigos, família, pra eu nao ter a obrigação de estar sempre provando isso de alguma forma, por saber que sou relativamente fria.

Eu não sei muito bem das medidas exatas, ou amo ou odeio, nao sei o tamanho da atençao que devo dispensar, ou sumo, ou me entrego, não jogo o jogo, não sei jogar, quando penso que me atolei, volto atras e faço de conta que nem é comigo.

Meu grande problema é ser mulher do seculo XXII, vivendo apenas no século XXI, e permitindo que todos vejam isso.
Pago o preço?
Sem dúvida! Mas pagaria um preço muito maior se tivesse que viver reprimindo a exuberancia, o jeito de falar, a desconfiança, a vontade de viver! O amor pela vida, pela natureza, pela família, pelos amores!
Seria amarga , frustrada,sempre preocupada com "oque os outros vão pensar" sempre dizendo " deixa eu resolver antes esses assuntos, depois me dedico a meus sonhos" sempre reclamando que as condições ideais não chegam nunca... DE certo não consegueria...

Como toda mulher ,vivi com o sonho de encontrar o principe encantado,casar-me encher minha casa de filhos e minha família de cuidados.
Como grande parte das mulheres, e um dia fui apaixonada por um homem que podia me dar isso, e queria muito isso. Este homem o qual dividi momentos que jamais esquecerei...Mas o destino nos quiz distantes, acho que eu tambem, com meu medo, minha insegurança quanto a ele, minha arrogancia em lidar com o seu amor, e maltrata lo com minha infantilidade e a sindrome de dona da verdade, deixa que eu prefiro andar sozinha...

È dificil em todos os momentos quando tento faze lo entender.
Eu pedi que ele nao deixasse ninguem mais o maltratar, como eu fiz, e sofri por isso, ele me abraçava chorando, me pedindo pra ficar, pedi a Deus que não deixasse verter uma só lagrima que fosse dos meus olhos, pois eu queria tudo de melhor para esse homem, e o seu destino , era seguir adiante.

Embora eu ache que naõ encontraria nada aqui alem da minha companhia, do meu carinho, embora eu ache que o amor é o suficiente para justificar toda a existência, tinha absoluta certeza que nao podia deixar que sacrificasse o seu futuro para ficar do meu lado...


Nunca me acostumaria com seu comodismo.


E de qualquer forma minha vida sempre foi assim, e creio que será, e desconfio que nao seja tao ruim.
Nasci, cresci e vivo assim , sempre me despedindo das pessoas que mais amo.


Suelen Monaco

domingo, 25 de novembro de 2007

babY....


Quando ler esta carta ja terei ido embora.
Há algum tempo venho tentando dizer lhe a verdade, mas voce não me deu chance.
Sinto vontade de viver, ser feliz, ver o mundo, aproveitar minha juventude, minha facilidade em superar as coisas e viver em harmonia, ser feliz!
Recebi uma boa oferta de trabalho em Londres e vou aceitar.
A vida ao seu lado foi otima, mas tornou se uma rotina,pior que isto, uma rotina desgastante e triste que voce provocou com seu ciumes e egoismo, dizendo ser amor.
Grande Amor... Não quero esta vida pra mim, sei que lhe devo uma resposta, aquela que prometi, por isso estou deixando as coisas esclarecidas, como mulher que sou...
Pensei que realmente poderia viver novamente com voce, porque alem de uma pessoa batalhadora como eu, voce sempre pensou primeiro em mim, não estou disposta a deixar tudo e viver com voce outra vez,aqui nem em outro estado, nem país. Desta vez não tem lugar que cure... mas farei isso por mim, vou terminar oque comecei, oque deixei na metade quando conheci voce.
Não tenho oque reclamar, vc sempre cuidou de mim, mas não posso voltar atras e desfazer dos meus sonhos, isto é, viver os seus...

Voce é um homem bom e certamente encontrara outra mulher que aceitara oque pode oferecer.
Não me procure mais. Vou em busca de felicidade e da paz de Espirito, aquela que temo tanto em nao rever quando me aproximo de voce,
desejo que voce tambem seja feliz!

Take Care


Suelen Monaco

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Sunny


Acho que essa música tem um pouco a ver comigo, bastante até...
beijos a todos e um ótimo final de semana!



She's Only Happy In The Sun ( Tradução ) Lyrics (Jack Johnson)

Jack Johnson - She's Only Happy In The Sun ( Tradução ) Lyrics

Eu sei que você talvez não queira me ver
No seu caminho, por baixo das nuvens
Você iria me ouvir se eu te contasse
que meu coração está com você agora?
Ela só é feliz no sol.

Você achou o que você estava atrás?
A dor e a risada carregada
Você a seus joelhos
Mas se você se livrar dos pôres-do-sol
Você será livre, de fato

Ela só é feliz no sol

Todo o tempo, ouço você rindo
Isso me faz chorar
Como a história da sua vida
É ''Olá e Tchau''

Ela só é feliz no sol

sábado, 17 de novembro de 2007

Não contarei....




Meu maior medo é escrever para não pensar.Meu maior medo é dizer sim para desistir depois, dizer não para querer depois.
Meu maior medo é escutar uma música, entender a letra e faltar uma companhia para concordar comigo...

agora, sobre ele...


O que me liga a ele não contarei as amigas. Não será tema de mesa de bar, de comentarios no banheiro das festas, onde mulheres infantis contam relacionamentos com a mesma naturalidade com que escovam os cabelos...

Não exaltarei aos familiares,evitarei opnioes que se julgam indispensaveis.É discreto como esticar uma cadeira de praia na varanda. É discreto como a fumaça da agua do meu chimarrão fervendo.

Sabe,ele tem tantos talentos e é tão humilde com relação a eles que eu só estou descobrindo agora,quando penso nele e escuto comentarios.

Ele não é machista nunca, nem comigo nem com ninguém.
Posso não saber absolutamente tudo sobre ele, mas oque sei são verdades.

Tudo isso é discretamente fundamental. Nenhuma mulher conta o que realmente importa,oque realmente cola ela no cara.

O medo de ser entendida é maior do que o medo de não ser entendida. Não importa adivinhar se ele esta bem, feliz com o novo trabalho que escolheu,
longe da familia e dos amigos se não consiguir adivinhar quando ele nao esta bem.

Quando nos vemos , disfarçamos do mesmo jeito,cada um com seu motivo, mas do mesmo jeito...
Ele é diferente mesmo, as vezes estranho,e nem mesmo por isso que eu
va procurar nele uma mudança, visível e aberta, oque faz ele ser especial para mim, mas a permanência,a que o torna diferente em mim, nao diferente de todos, apenas diferente em mim...

ele não é só um cara. ele a ouve como se entendesse, fala como quem soubesse o que dizer e não diz nada muitas vezes, porque entende os silêncios.

ele existe.


É por isso, por tudo isso, que eu não ganhei na mega-sena acumulada, e é por isso que provavelmente nunca vou ganhar nem uma quinazinha ou uma mísera quadra. É porque provavelmente a sorte tem que ser distribuída com alguma justiça entre as pessoas, e afinal, eu já ganhei na loteria faz tempo.
Pra ser mais exata desde que nasci, por ter uma familia maravilhosa, amigos exemplares e pessoas assim como esse fulaninho que deve estar rindo alto agora e me chamando de louca pela primeira vez com motivo por ter chegado ao fim deste texto e não fazer nenhum comentario,a não ser bocejar um, "sem tradução", ou talvez, um
"que viaaaaagem velho" (hahah)com aquela boca entreaberta e todo sem jeito...


Pode ficar com razão, a razão nada entende de nosso desejo. Nunca entendeu. A razão é o que menos importa agora...
Ocorreu um erro neste gadget